top of page

Rafaela dos Santos Batista

Aluna Pesquisadora

Unesp - Araraquara

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Linguística e Língua Portuguesa, desenvolve a pesquisa intitulada "Arnaldo Antunes Inclassificável: uma análise dialógica verbivocovisual da linguagem neoconcreta". Graduada em Letras com habilitação Português/ Inglês pela Faculdade de Ciências e Letras de Assis (UNESP) e integrante do Grupo de Estudos Discursivos (GED) coordenado pela Profa. Dra. Luciane de Paula. Sob a perspectiva da Análise Dialógica do Discurso, desenvolveu as Iniciações Científicas "Mulheres contemporâneas: The Handmaid’s Tale real?" (2020), "O conto da aia: vozes sociais em embate discursivo" (2020/21) e "A linguagem concreta: um olhar bakhtiniano sobre o projeto Noigandres em Arnaldo Antunes" (2021/22). Também participou no projeto de extensão CLDP na UNESP-Assis como professora voluntária de Língua Inglesa (2021/22). Desenvolveu trabalho técnico de assessoria na Editoria Executiva da Alfa: Revista de Linguística filiada à Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (2019/ 2020/ 2021).

Principais projetos

Iniciação Científica - MULHERES CONTEMPORÂNEAS: THE HANDMAID’S TALE REAL?

Iniciação Científica - MULHERES CONTEMPORÂNEAS: THE HANDMAID’S TALE REAL?

Batista, Rafaela. De Paula, Luciane.

Projeto

2020/2021

A série The Handmaid’s Tale (2017, 2018, 2019) retrata uma sociedade distópica cujos
valores são calcados em um regime patriarcal e teocrático. Nosso objetivo é analisar as vozes
sociais vinculadas às personagens principais da série que ora compactuam com a ideologia
reacionária e ora entram em resistência. Para tal, utilizaremos a teoria bakhtiniana e,
principalmente os conceitos de sujeito, enunciado, diálogo, superestrutura e infraestrutura,
reflexo e refração, vozes sociais e ideologia. Pretendemos também a partir dos conceitos do
Círculo russo analisar além dos elementos verbais, assim este enunciado é verbivocovisual e
inclui também a investigação de elementos visuais e sonoros, pois entendemos a palavra como
tridimensional. Para concluir as discussões sociais pensaremos o enunciado estético a partir das
concepções de gênero de Beauvoir e Saffioti.

Iniciação Científica  -  O CONTO DA AIA: VOZES SOCIAIS EM EMBATE DISCURSIVO

Iniciação Científica - O CONTO DA AIA: VOZES SOCIAIS EM EMBATE DISCURSIVO

Batista, Rafaela. De Paula, Luciane.

Projeto

2021-2022

A série The Handmaid’s Tale (2017, 2018, 2019), em português, O conto da aia, retrata a sociedade distópica República de Gilead que baseia seus valores em ideais patriarcais-teocráticos. O objetivo é analisar as vozes sociais das personagens femininas principais da série ao que tange seu lugar hierárquico, sendo capaz de compactuar com a ideologia e também reagir em (re)existência. Para isso, a teoria bakhtiniana de linguagem e, essencialmente os conceitos de sujeito, enunciado, diálogo, superestrutura e infraestrutura, reflexo e refração, vozes sociais e ideologia se tornam indispensáveis. A partir desses conceitos, pretende-se analisar além dos elementos verbais, em razão de que o enunciado é verbivocovisual, por isso inclui-se a análise de elementos visuais e sonoros dado a palavra alargada e tridimensional. A relevância social está em se falar da temática ao se considerar o contexto social crescente de extrema direita no Brasil e no mundo contemporâneo. Posto isso, abre-se margem para discussões sociais a partir de concepções de gênero.

Iniciação Científica - A linguagem concreta: um olhar bakhtiniano sobre o projeto Noigandres em Arnaldo Antunes

Iniciação Científica - A linguagem concreta: um olhar bakhtiniano sobre o projeto Noigandres em Arnaldo Antunes

Batista, Rafaela. De Paula, Luciane.

Projeto

2022

A poesia concreta foi um projeto experimental desenvolvido pelo grupo Noigandres, que tinha como ponto condutor a noção de verbivocovisualidade: uma estética poética à luz da palavra-coisa, isto é, uma linguagem como unidade discursiva integral das dimensões imagética, sonora e verbal. A partir desse intento e ao pensar que essa proposição interpreta metalinguisticamente a palavra em movimento de maneira dialógica como reflexo e refração do sujeito e mundo, esta pesquisa se relaciona com a filosofia do Círculo de Bakhtin, pois entendem a linguagem como materialização do ser em sociedade. Além disso, outros estilos poéticos e contemporâneos traduzem essa tridimensionalidade, dessa forma, a poesia experimental de Arnaldo Antunes que se manifesta em outro cronotopo e estilo também aprofunda a proposição concreta e bakhtiniana. Com o objetivo de refletir sobre a pertinência da concepção de verbivocovisualidade Noigandres no esteio da linguagem bakhtiniana, verificar a ressonância concretista de temática metalinguística e entender a relação entre arte, sociedade e tecnologia como modo de agir no coletivo, essa pesquisa se calca no método dialético-dialógico e tem como pertinência a ampliação do campo bakhtiniano e percepção da arte como representação de mundo e de humanidade.

Mestrado

Mestrado

Batista, Rafaela. De Paula, Luciane.

Dissertação

Em desenvolvimento

A poesia concreta foi um projeto experimental desenvolvido pelo grupo Noigandres, que tinha como ponto condutor a noção de verbivocovisualidade: uma estética poética à luz da palavra-coisa, isto é, uma linguagem como unidade discursiva integral das dimensões imagética, sonora e verbal. A partir desse intento e ao pensar que essa proposição interpreta metalinguisticamente a palavra em movimento de maneira dialógica como reflexo e refração do sujeito e mundo, esta pesquisa se relaciona com a filosofia do Círculo de Bakhtin, pois entendem a linguagem como materialização do ser em sociedade. Além disso, outros estilos poéticos e contemporâneos traduzem essa tridimensionalidade, dessa forma, a poesia experimental de Arnaldo Antunes que se manifesta em outro cronotopo e estilo também aprofunda a proposição concreta e bakhtiniana. Com o objetivo de refletir sobre a pertinência da concepção de verbivocovisualidade Noigandres no esteio da linguagem bakhtiniana, verificar a ressonância concretista de temática metalinguística e entender a relação entre arte, sociedade e tecnologia como modo de agir no coletivo, essa pesquisa se calca no método dialético-dialógico e tem como pertinência a ampliação do campo bakhtiniano e percepção da arte como representação de mundo e de humanidade.

bottom of page