Pesquisas - Heliud Luis Maria Moura (UFOPA)

 

Processos referenciais em narrativas orais amazônicas: implicações sociocognitivas e culturais

 

(2019-2021)

 

Este projeto tem por objetivo estudar os processos referenciais construtores de narrativas orais em circulação no universo amazônico, o que requer a coleta, registro e armazenamento de dados relativos a essas narrativas, investigando-se as formas como tais processos se realizam e o que revelam da cultura amazônica, especificamente da Amazônia Paraense. Tem como base teórica as postulações de Koch (2003, 2004, 2008), Marcuschi (2007, 2008) e Moura (2014, 2016), a partir dos quais analiso os processos em questão.

 

 

 

Atividades de leitura e escrita na educação básica: contextos, reflexões e propostas

 

(2019-2021)

 

 

Este projeto tem por objetivo estudar as produções de leitura e de escrita na Educação Básica, tendo em conta o pressuposto de que as atividades que levam a essas produções estão na dependência das concepções de ensino referentes ao ensino de língua portuguesa e das concepções metodológicas dos professores acerca do que constitui tais atividades. Tem como fundamento teórico as postulações de Koch (2003, 2004, 2008); Koch e Elias (2009); Marcuschi (2007, 2008); Bazerman (2006, 2011); Schneuwly e Dolz (2004); Bunzen e Mendonça (2013); Bakhtin (2006, 2010a, 2010b, 2016) e Moura (2017), as quais constituem a base epistemológica para o estudo dos fenômenos sob investigação. A realização do projeto supõe a realização concomitante de ações de extensão e formação docente, conforme explicitado na justificativa e na metodologia.

 

 

A leitura como espaço para formação de professores da educação básica: há um outro caminho?

 

(2019-2021)

 

Este projeto tem por objetivo investigar o modo como a leitura, enquanto processo formativo, tem contribuído para a formação dos docentes de Língua Portuguesa e para suas atividades pedagógicas no âmbito da educação básica, compreendendo que a leitura se constitui como eixo básico para a formação dos professores. Tomo como referencial teórico as postulações de Bakhtin (2010), Colomer e Camps (2002), Kleiman (2007, 2011, 2013, 2016), Koch e Elias (2009a, 2009b), Machado, Castanheira, Bessa e Oliveira (2012), Moura (2005, 2009, 2014, 2016) para os quais a leitura constitui uma atividade central não só para formação do docente como também para a consecução de ações pedagógicas significativas no âmbito da formação do aluno cidadão crítico-reflexivo.

 

 

Projeto história do português amazônico: um estudo da mudança linguística em contextos e práticas socioculturais de comunidades das regiões do médio e baixo Amazonas

 

(2019-2021)

 

Este projeto tem por objetivo estudar a história do português amazônico, especificamente nas regiões do Baixo e Médio Amazonas Paraense, objetivando-se a coleta, registro e armazenamento de dados relativos ao uso do português nessas comunidades, assim como a análise, em diferentes gêneros textuais, de elementos de âmbito morfológico, lexical, sintático e textual-discursivo, que revelam determinados estágios referentes ao uso da língua portuguesa. As bases teóricas que embasam esta pesquisa estão ancoradas em Castilho (1998, 2003), Faraco (1998), Mattos e Silva (2008), Teyssier (1997), os quais, sob diferentes fundamentos teóricos, tratam das transformações ou mudanças pelas quais uma determinada língua passa no decurso de diferentes processos históricos.